Portugal Global
30.9.2019

Saphety - Aposta segura no mercado colombiano

 

Empresa portuguesa de tecnologia especializada em informação empresarial, a Saphety fornece soluções globais em rede com um conjunto de produtos para intercâmbio e apresentação de dados e documentos, contratação pública e faturação eletrónica. Tem atualmente mais de 5.000 clientes e mais de 350 mil utilizadores em 40 países, contando com escritórios próprios na Europa e na América Latina e uma presença global em quatro continentes. Na Colômbia, a empresa está presente desde 2013.

A Saphety iniciou as suas operações na Colômbia em 2013, disponibilizando às empresas locais soluções B2B como o EDI (Electronic Data Interchange) e a faturação eletrónica.

Ao longo dos anos, a tecnológica portuguesa registou um crescimento significativo graças à regulamentação para a adoção de novas tecnologias por parte da DIAN (Dirección de Impuestos y Aduanas Nacionales), a entidade governamental responsável pela tributação de impostos, conseguindo, dessa forma, atingir mais de mil clientes no território colombiano.

“A Saphety é um dos fornecedores habilitados pela DIAN (Dirección de Impuestos y Aduanas Nacionales) mais reconhecidos no mercado colombiano, com especial destaque nos setores da construção, farmacêutico, distribuição e indústria.”

De acordo com José Falcato, Country Manager da Saphety na Colômbia, o modelo de negócio da empresa no país desenvolveu-se através da criação de parcerias comerciais com outras empresas tecnológicas, como são o caso das empresas de software, consultoras e fornecedoras de sistemas de software de gestão ERP (Enterprise Resource Planning), permitindo assim oferecer soluções integradas e “end-to-end” que simplificam os processos nas empresas, reduzindo os prazos e custos de implementação.

“A empresa portuguesa realizou investimentos significativos ao nível da tecnologia e desenvolvimento ara poder posicionarse e converter-se no principal fornecedor de serviços tecnológicos do país.”

A Saphety desenhou igualmente soluções de faturação eletrónica à medida, como os pacotes pré-pagos, que permitem às pequenas e medias empresas, com um baixo volume de emissão de documentos, cumprir com os requisitos legais sem necessidade de efetuar grandes investimentos.

Hoje em dia, a Saphety é um dos fornecedores habilitados pela DIAN mais reconhecidos no mercado colombiano, com especial destaque nos setores da construção, farmacêutico, distribuição e indústria.

Sobre as potencialidades do mercado, José Falcato afirma que “a oportunidade de negócio na Colômbia é imensa”, prevendo-se que, durante 2019 e 2020, mais de 550 mil empresas adiram ao novo modelo de faturação eletrónica, o que traduz uma “possibilidade de crescimento impressionante”.

Refira-se que a empresa realizou investimentos significativos ao nível da tecnologia e desenvolvimento para poder posicionar-se e converter-se no principal fornecedor de serviços tecnológicos do país, segundo revela o responsável da Saphety na Colômbia.

Quantos aos conselhos que daria às empresas portuguesas que desejem abordar o mercado colombiano, José Falcato refere que a recomendação mais importante que pode apontar é que essas empresas tenham sempre em conta a dinâmica de negócio desta região. “As empresas devem adaptar o seu portefólio de produtos e serviços à cultura de negócios do país; não basta ter um bom portefólio se este não estiver de acordo com a forma como compra e pensa o consumidor colombiano”, acrescenta o mesmo responsável.

 

Notícia publicada na Portugal Global (impresso 1 e 2, online) a 30/09/2019.

URL (impresso 1): https://cdn2.hubspot.net/hubfs/1889475/Documents/Clipping/2019/aicep-portugal-global-mercado-colombiano.pdf

URL (impresso 2): https://cdn2.hubspot.net/hubfs/1889475/Documents/Clipping/2019/aicep-portugal-global-saphety-aposta-segura-no-mercado-colombiano.pdf

URL (online): http://www.portugalglobal.pt/PT/RevistaPortugalglobal/Paginas/RevistaPortugalglobal.aspx?fbclid=IwAR2I3kL-Iy-xDZnhfRnLX2Tj5TNquiyodFncPaf0LoDcWqVS_wmzk_lPmPw

Subject: EDI & Electronic Invoicing, Colombia, Facturación Electrónica, Portugal, 2019