Portugal
12.2.2020

Saphety e CTT promovem fatura eletrónica junto das empresas portuguesas

A tecnológica internacional de origem portuguesa e os CTT – Correios de Portugal estabeleceram um acordo pioneiro para a comercialização da faturação eletrónica junto do tecido empresarial português com início imediato.

A Saphety, empresa líder em Portugal na área da faturação eletrónica e os CTT – Correios de Portugal, operador histórico de comunicações nacionais, estabeleceram um acordo inédito para a comercialização conjunta de soluções de faturação eletrónica no mercado nacional.

O acordo prevê a exploração das competências complementares das duas empresas e contempla a integração da solução de faturação eletrónica da Saphety, com os serviços de printing & finishing (formatação e produção documental) dos CTT, para oferecer ao mercado solução tecnológica integrada para emissão física e digital de documentos de faturação.

A legislação sobre a Obrigatoriedade de Faturação Eletrónica à Administração Pública aponta o dia 18 de abril de 2020 como a data a partir da qual todas as entidades públicas deverão estar aptas a receber faturação eletrónica dos seus fornecedores e as grandes empresas serão obrigadas a faturar eletronicamente todas as entidades e organizações na esfera do Estado.

As PME nacionais serão abrangidas por esta obrigatoriedade no final de 2020.

“Até ao final do ano milhares de empresas terão obrigatoriamente de faturar eletronicamente ao Estado. Trabalhar em conjunto com os CTT vai possibilitar acelerar a nossa capacidade e capilaridade de resposta ao mercado, e permitir às empresas cumprirem estas novas obrigações legais. Estamos muito entusiasmados com esta parceria” referiu Rui Fontoura, CEO da Saphety.

Para João Bento, CEO dos CTT, “esta parceria é muito relevante para os CTT na medida em que permitirá aos atuais e futuros clientes de ambas as empresas acederem a um conjunto de serviços complementares de forma muito mais conveniente e que garantem o integral cumprimento das novas exigências legais. Ao integrar-se as competências de printing & finishing (P&F) e expedição dos CTT com o know how e tecnologia de fatura eletrónica da Saphety, as empresas e entidades públicas passam a ter ao seu dispor uma solução omnicanal única no mercado”

O SaphetyDoc é a solução disponibilizada pela Saphety que permite, de uma forma fácil e com baixo custo, o envio e receção de faturas eletrónicas com valor legal e de outros documentos comerciais como notas de encomenda, guias de remessa, etc.

Contemplando todos os requisitos legais associados à fatura eletrónica, o SaphetyDoc permite a desmaterialização completa do processo de faturação, desde a sua emissão, ao envio e à respetiva aprovação.

A Saphety tem mais de 20 anos de experiência na implementação de projetos de EDI e Faturação Eletrónica em entidades públicas (Administração Pública, Central e Local, e Institutos Públicos de administração direta do Estado) e privadas (empresas de todos os setores de atividade) e somos uma empresa líder de mercado na Faturação Eletrónica.

 

Sobre a Saphety
Fundada em 2000, a Saphety é uma empresa multinacional de origem portuguesa líder em soluções de intercâmbio eletrónico de documentos, faturação eletrónica, contratação e sincronização de dados entre empresas. Com presença em Portugal, Brasil e Colômbia, as suas soluções chegam atualmente a 40 países e a sua carteira de clientes conta com mais de 5000 empresas, incluindo entre outras algumas das maiores operadoras de telecomunicações, retalho, transportes, logística, energia, banca, serviços, saúde e setor público. Mais informações em saphety.com.

Sobre os CTT
Os CTT – Correios de Portugal são o operador postal universal em Portugal, sendo líderes em correio e em distribuição de expresso e encomendas, desenvolvendo também atividades de serviços financeiros e sendo os únicos acionistas do Banco CTT, um banco com uma oferta simples, mas completa de serviços bancários para particulares. Operam também em expresso e encomendas em Espanha e em Moçambique. Com raízes no ano de 1520, os CTT têm o exclusivo da emissão de selos com a menção Portugal e plataformas únicas de distribuição e atendimento ao cliente, com proximidade e conhecimento profundo da população e de todo o território.
Os CTT empregavam, em dezembro de 2018, 12.097 pessoas, das quais 11.650 em Portugal, país onde opera uma rede de 2383 Pontos CTT a que se juntam 4394 agentes Payshop. Em 2018 os CTT obtiveram rendimentos operacionais de 708 M€, um EBITDA recorrente de 90,4 M€ e um resultado líquido de 19,6 M€. Nesse mesmo ano, os CTT transportaram 680,7 milhões de objetos de correio endereçado, a que se juntaram 427,3 milhões em correio não endereçado e 37,3 milhões de correio expresso e encomendas.

 

Para mais informações
BA&N
Diogo Simão | ds@ban.pt | 936 528 639
João Santos Pereira | jsp@ban.pt | 937 612 332

 

Subject: EDI & Electronic Invoicing, SaphetyDoc, Portugal, 2020